Revista de Turismo do Nordeste

, / 0

Dicas para sobreviver ao jet lag

aquela sensação péssima de cansaço e mau humor pode ser contornada com essas dicas!
SHARE

O jet lag é aquela sensação terrível que a gente tem quando muda de fuso horário. Nosso corpo não acompanha a mudança brusca de horários e responde deixando a gente cansado, com mal estar. A gente separou umas dicas rápidas pra que vai viajar pra longe e precisa lidar com essa mudança.

Durma na hora “certa”

A tentação ao sair do avião é se jogar numa cama para sempre, mesmo que ainda seja de manhã. Mas isso pode fazer com que seja ainda mais difícil adaptar-se ao novo fuso, principalmente em viagens no sentido leste. O ideal, portanto, é dar uma cochilada de no máximo uma hora e, depois, tentar esperar o horário “normal” de ir para a cama no novo fuso.

Comece a comer nas horas “normais”, mesmo sem fome

O ritmo circadiano não só rege o sono, mas também a fome. Portanto, começar a fazer as refeições nos horários convencionais logo de cara ajuda o corpo a ajustar os ponteiros novamente. Mesmo que você esteja sem fome, o ideal é dar uma forçadinha.

Não deixe para dormir no avião

Passar a noite em claro para pegar um voo logo cedo com a esperança de dormir melhor pode ser uma roubada. Para aguentar o tranco de uma viagem intercontinental, o corpo precisa estar 100%. Começar a viagem muito cansado pode agravar os sintomas do jet lag.

Viaje na “lei seca”

Muita gente acha que o álcool ajuda a relaxar no avião. Mas a verdade é que beber antes ou durante uma viagem de avião desidrata o corpo e agrava o jet lag e o cansaço.

Fonte: Viagem e Turismo

PASSWORD RESET

LOG IN